24/05/2019 as 10:47

Cultura

Espaço Zé Peixe promove Feira de Artesanato e Sarau nesta sexta

A programação comemorativa dos 4 anos do Espaço Zé Peixe culmina, nesta sexta, com o ‘Sarau do Zé


Espaço Zé Peixe promove Feira de Artesanato e Sarau nesta sextaFoto: Pritty Reis

Até esta sexta-feira, 24, o Espaço Zé Peixe recebe uma feira de artesanato sergipano com exposição de peças de crochê, bordados, cerâmica, biscuit, doces, madeira, fontes rústicas, entre outras técnicas artísticas. Aberta a partir das 08h, a feira reúne cerca de 15 artesãs atendidas pelo Programa Artesanato de Sergipe, ligado à diretoria de Trabalho e Renda da Secretaria de Estado da Inclusão Social (Seit). A programação comemorativa dos 4 anos do Espaço Zé Peixe culmina, nesta sexta, com o ‘Sarau do Zé’, que terá apresentações artísticas de de música e dança, a partir das 18h, com show de Gladston Rosa e as apresentações do NuTempo Dance Company e da Academia Sergipana de Dança de Salão.

A recepcionista Vanessa Cavalcante foi conhecer a feira e ficou surpresa com a variedade e a beleza dos produtos artesanais. “Atrações como esta acrescentam muita em nossa cultura e conhecimento. Existe muita coisa sendo feita em Sergipe que acabamos não sabendo ou pesquisando. Fiquei encantada por ver que cada peça artesanal é feita com muito amor e carinho. O memorial do Zé Peixe já é um ponto turístico e com a Feira acaba sendo ainda mais um atrativo”, disse.

Os produtos expostos na feira são confeccionados por artesãs vindas de diversos municípios, como Aracaju, Barra dos Coqueiros, Ilha das Flores, Graccho Cardoso e São Cristóvão. A artesã Maria da Conceição Melo, por exemplo, faz roupas e acessórios em ‘renda de pilé’. “Essa feira é importante pra gente mostrar o nosso trabalho, para mostrar que tem muito artesão em Sergipe. Sou da Barra dos Coqueiros e, há cinco anos, trabalho com a ‘renda do pilé’, fazendo calça, vestido, bermuda e o que a imaginação deixar. O produto mais procurado é a saída de praia”, disse a artesã, que cotidianamente vende seus produtos na Praia da Costa.

A culinária artesanal sergipana também tem espaço garantido na feira, como as ‘Delícias da Vovó Liete’. Doces tradicionais de banana, goiaba e batata, além de cocadas de goiaba, banana, maracajá, abacaxi. Geléias de acerola, goiaba e manga, e licores e cachacinhas saborizadas. “Tudo eu mesmo que faço na minha cozinha. A feira representa a abertura de horizontes e uma forma de divulgarmos nossos produtos. O artesanato sergipano precisa disso. Trabalhamos com muito amor e dedicação em todo o processo de criação até a finalização. Uma oportunidade dessa em um ponto turístico é muito boa para a gente”, disse o produtor culinário Everton Santos.

O folclore se alia ao artesanato através do papel, barro, tecido e resina. Há 20 anos, a artista plástica Tânia Aguiar cria e confecciona bonecos folclóricos. “Fiz uma série de trabalhos com bonecos folclóricos e trago sempre o retrato das características tradicionais. Trago representações da Ponte do Imperador, Mercado, Reizado, Cacumbi, Taieira, caranguejos, papagaios, sempre nessa linha das nossas tradições. Tem muita gente precisando expor o seu material e ter essa parceria com a secretaria de Inclusão nos ajuda muito”, afirmou.

Segundo Guga Viana, produtor cultural do Espaço Zé Peixe, a feira de artesanato integra a programação de aniversário do ponto turístico. “Temos duas salas de exposição, onde abrimos as exposições Art In África e Recriando – Mestre Passos, além de um posto avançado do Núcleo de Apoio ao Trabalhador (NAT), bem como o restaurante Tototó com comidas típicas sergipanas e agora esta feira de artesanato. Convidamos toda a sociedade sergipana e turistas para vir conhecer. Nesta sexta-feira, dia 24, teremos o Sarau do Zé, com apresentações artísticas a partir das 18h”, convida.