03/06/2019 as 16:12

FUTEBOL

Árbitra sergipana é punida pelo STJD

Vaneide Vieira foi denunciada por ter fornecido informações falsas na ficha de integridade do árbitro


Árbitra sergipana é punida pelo STJDFoto: Divulgação/FSF

Os Auditores da Quinta Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) suspenderam por 540 dias a árbitra assistente sergipana Vaneide Vieira de Gois, além de aplicarem uma multa de R$1 mil. A profissional foi acusada de inserir informação falsa no cadastro da Comissão de Arbitragem por diversas vezes.

No processo, o presidente da Comissão de Arbitragem da Federação Sergipana de Futebol (FSF) Edmo Oliveira, foi advertido por conduta contrária à disciplina pela falta de atenção nas informações da árbitra. A decisão cabe recurso.

O STJD, divulgou em seu site que a denúncia chegou para a Corregedoria de Arbitragem da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) dando conta de que Vaneide teria preenchido documentos com data de nascimento errada, e que o presidente da Comissão de Arbitragem da FSF teria conhecimento. Segundo a publicação, o intuito era ter a idade reduzida visando possível indicação ao quadro FIFA.

A CBF identificou que, nos anos de 2016 e 2019, Vaneide teria preenchido e assinado os formulários enviados pela entidade com o ano de nascimento de 1980, quando a data correta seria 1978. Outros formulários preenchidos pela árbitra no sistema da CBF teriam sido preenchidos com a data de nascimento de 1982.

A sergipana foi indagada sobre o assunto e informou, através de ofício à Corregedoria da Comissão de Arbitragem da CBF, que nasceu em 1978, e que colocou equivocadamente o ano de 1980.