19/05/2017 às 15h50 - Crise política

Kitty Lima cobra novas eleições diretas

Vereadora lamentou crise política nacional em seu discurso na CMA.

Um dia após a imprensa tornar público que o presidente da República Michel Temer ter sido gravado dando aval para a compra do silêncio do ex-deputado federal Eduardo Cunha, a vereadora Kitty Lima (REDE), usou a Tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) para demonstrar seu repúdio a atual conjuntura política do país envolta em escândalos de corrupção. Em sua fala, a vereadora defendeu ainda a realização de uma nova eleição direta para presidente.

 

Foto: César de Oliveira

 

“Nós tivemos um dia mais tristes episódios na política do nosso país. É impossível ficar indiferente a todo esse escândalo que acaba de vir à tona. Desde o impeachment da presidente Dilma Rousseff, o Brasil vem tentando remendar os trapos que a nossa política se tornou”, lamentou Kitty.

 

Diante dos atos que tomaram conta de todo o país, que demonstram a insatisfação da população em relação aos recentes escândalos na política nacional, Kitty cobrou união em um momento de turbulência e cobrou a realização de uma eleição direta. “Precisamos começar a agir, e eu acredito que apenas com novas eleições diretas nós vamos conseguir trazer dignidade à nossa política é melhorar assim a imagem do nosso país. Infelizmente estamos vivendo um momento onde as pessoas estão se agredindo, tentando defender, muitas vezes, o indefensável. Não é o momento de ofensas, mas sim de exigirmos novas eleições diretas”, defendeu a parlamentar.

 

Kitty Lima lembrou ainda que um dos oito pedidos de impeachment do presidente Michel Temer foi protocolado pelo deputado federal Alessandro Molon (REDE), e cobrou dos colegas parlamentares o comprometimento com a população aracajuana. “Nós vereadores temos a missão de trazer esperança para a população através do nosso trabalho aqui na CMA. Não podemos permitir que as pessoas olhem para nós como se fossemos farinha do mesmo saco e todos aqui fossem corruptos. Precisamos dar o exemplo”, desabafou a vereadora.

Comentários

comments powered by Disqus